quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Pequeninos seres, grandes amigos

Por Sandrini      

       Vocês já ouviram barulhos estranhos durante a noite? Coisas sumindo? Risadinhas e cantarolares? Não se preocupe! Pode não ser um fantasma ou assombração, pode ser apenas que você tem mais gente morando na sua casa do que você esperava.

        Muitos de vocês viram na infância desenhos ou filmes com fada, gnomos, duendes, etc. Até hoje eles existem, mas quando crianças, somos mais suscetíveis a essas ideias.

       Quando crescemos, nossos pais (ou a sociedade, ou os amigos, ou qualquer outro alguém, até nós mesmos) metem na nossa cabeça que nada disso existe. É tudo ficção. Mas os caminhantes da magia, sabem muito bem que eles são tão reais quanto nós.

       Como vocês devem saber, cada qual interfere em uma área do nosso ser. Ficamos mais energéticos, mais criativos, mais emotivos ou pé-no-chão. Precisamos estar em harmonia com os quatro para ter uma vida saudável e balanceada. Nada que é demais é legal. Claro, somos seres humanos, somos facilmente abalados; não tem nada de errado em estar mais emocionado do que o normal, ou mais mau-humorado; trabalhar com os elementares não quer dizer que você nunca mais vai ter problemas de desequilibrio, o melhor mesmo a se fazer é relaxar, jogar os braços pra cima... e gritar bem alto!!!

       Aqui, mostrarei algumas formas de trazer estes pequeninos seres para nossa vida, e apresentar alguns rituais para pedir sua ajuda. Se quiser e tiver como, monte um altar em homenagem à eles: uma taça com água, uma plantinha ou cristal, uma vela vermelha e um incenso. Faça ali algumas oferendas, como maçã, bolo, doces brancos...

                RITUAL PARA INVOCAR OS ELEMENTAIS
        É importante, antes demais nada, respeitar a natureza e energia de cada elemental. Inspire bastante para fazer a invocação dos silfos; use de roupas quentes para as salamandras (elas adoram luz do sol, fica a dica); beba bastante água para as ondinas e esteja de pés descalços para os gnomos. Lembrando que essas invocações não precisam ser feitas todas juntas, você pode chamar apenas com quem quer trabalhar/pedir ajuda.

        - Invocação aos GNOMOS:
        "Eu vos saúdo, Gnomos, que constituís a representação do elemento Terra, vós que constituís a base e fortaleza da terra, ajudai-me a transformar, a construir todas as estruturas materiais, assim como uma raiz fortifica a árvore frondosa.
        Gnomos, possuidores dos segredos ocultos, fazei-me perfeito e nobre, digno do vosso auxílio.
        Mestres da Terra, eu vos saúdo fraternalmente. Amém!"

        - Invocação às ONDINAS:
        "Eu vos saúdo, Ondinas, que consituís a representação do elemento água, conservai a pureza da minha alma, como o elemento mais precioso, da minha vida e do meu organismo. Fazei-me pleno de sua criação fecunda, e dai-me sempre intuição de forma nobre e correta.        Mestres da água, eu vos saúdo fraternalmente. Amém!"

        - Invocação aos SILFOS:
        "Eu vos saúdo, Silfos, que constituís a representação do ar e dos ventos, portadores das mensagens para toda a terra, eu deposito em vós a minha imensa confiança, pois meus pensamentos são sempre positivos, voltados para o amor de todas as coisas existentes. Fazei de mim a imagem do esplendor da luz. Fazei deste pensamento meu milagre!        Mestres do ar, eu vos saúdo, fraternalmente. Amém!"

        - Invocação às SALAMANDRAS:
        "Eu vos saúdo, Salamandras, que constituís a representação do elemento fogo, peço que, com vosso trabalho, fornecei a mim poder para resolver tudo, de acordo com vossa vontade, alimentando meu fogo interno, aumentando minha chama trina do coração, e assim formar um novo universo.        Mestres do fogo, eu vos saúdo, fraternalmente. Amém!" 
      
          SIMPLES INVOCAÇÃO
         Tenha consigo os seguintes materiais (serão utilizados na representação dos Elementais da Natureza).

        - 1 moeda antiga (para o elemento Terra)
        - 1 cálice ou taça com água mineral até a borda (para o elemento Água)
        - 1 incenso de sua preferência (para o Ar) 
         - 1 vela branca (para o Fogo) 

        Faça uma cruz no chão, representando os pontos cardeais: Norte, Sul, Leste e Oeste. 

        Coloque a moeda no ponto marcando Norte; o cálice com a água no ponto Oeste; o incenso (de preferência em um incensário) no ponto marcado por Leste e finalmente, no ponto Sul coloque a Vela Branca. 

         Faça uma oração qualquer (a que você mais goste, para abrir o ritual), antes de começar a invocação. 

         Primeiramente, pegue a moeda na mão e segure-a firmemente, dizendo: "EU (seu nome) SAÚDO A TERRA, A NATUREZA, TODOS OS SEUS ELEMENTOS E A SUA FORÇA. EU AGRADEÇO POR TUDO QUE A TERRA ME PRESENTEIA TODOS OS DIAS DA MINHA VIDA. PEÇO QUE A ENERGIA DA TERRA ESTEJA SEMPRE PRESENTE E ME TRAGA CORAGEM, ESTÍMULO, DISCIPLINA, CONFORTO, ESTABILIDADE E SAÚDE. EU PEÇO A TERRA QUE, REPRESENTADA POR ESTA MOEDA, ME PROTEJA E ME AJUDE SEMPRE. ASSIM SEJA."

         Coloque a moeda de volta no lugar. Em seguida, erga o cálice (ou taça) de água para o céu e diga: "EU (seu nome) SAÚDO TODOS OS ELEMENTAIS E AS DEUSAS DA ÁGUA. AGRADEÇO À ÁGUA POR TODA A ÁGUA EXITENTE NO PLANETA, PELA ÁGUA QUE BEBO E DE QUE NECESSITO PARA VIVER. PEÇO AO ELEMENTO ÁGUA INTUIÇÃO, CLAREZA, VISÃO, ENERGIA, FORÇA MÁGICA. EU PEÇO QUE A ÁGUA CONTIDA NESSA TAÇA ME PROTEJA E ME AJUDE SEMPRE. ASSIM SEJA."

         Coloque a taça com a água no lugar. Depois, acenda o incenso e espalhe sua fumaça pelo ar, dizendo: "EU (seu nome) SAÚDO E INVOCO TODOS OS ELEMENTAIS DO AR. AGRADEÇO PELO AR QUE RESPIRO, PELOS VENTOS, PELA INTELIGÊNCIA, PELA CRIATIVIDADE, PELAS MINHAS VIRTUDES RACIONAIS. PEÇO AO ELEMENTO AR CAPACIDADE DE RACIOCÍNIO, CLAREZA DE IDÉIAS, CONDIÇÃO DE CRIAR E SER FELIZ. EU PEÇO QUE A FUMAÇA DESTE INCENSO QUE SE DESPRENDE NO AR ME PROTEJA E ME AJUDE SEMPRE. ASSIM SEJA." 

         Novamente, coloque o incenso no seu lugar. Agora é a vez da vela. Acenda-a e diga: "EU (seu nome) SÁUDO E INVOCO TODOS OS ELEMENTAIS DO FOGO. PEÇO A INTUIÇÃO SAGRADA E A ENERGIA CURATIVA E CRIADORA DO FOGO. AGRADEÇO AO FOGO PELA VIDA. EU PEÇO QUE O CALOR QUE SE DESPRENDE DA CHAMA DESTA VELA SIVAM PARA OS MAIS NOBRE FINS, BEM COMO NA MINHA PROTEÇÃO E CUIDANDO DE MIM, ENQUANTO EU VIVER. ASSIM SEJA." 

         Agora, que a invocação chegou ao fim, você deve tomar os seguintes procedimentos: a moeda servirá como um amuleto de proteção e auxílio, então leve-a sempre consigo; tome a água do cálice. Essa água, que fez parte da invocação, ajuda nas realizações mágicas (feitiços ou dicas mágicas) que você realizará. Já o incenso e a vela, deixe-os queimar até o fim. O que sobrar é para ser jogado em um jardim ou a uma árvore bonita.





         CONJURAÇÃO DOS QUATRO
         Quando eles estão desgovernados, bagunçando tudo e deixando nossa vida de ponta cabeça! Pronunciamos a Conjuração dos Quatro Cantos:


        CAPUT MORTUUM IMPERET TIBI DOMINUS PER VIVUM ET DEVOTUM SERPENTEM.
CHERUBM, IMPERET TIBI DOMINUS PER ADAM IOTCHAVAH!
AGUILA ERRANS, IMPERET TIBI DOMINUS PER ALAS TAURI.
SERPENS, IMPERET TIBI DOMINUS TETRAMMATON PER ANGELUM ET LEONEM!
MICHAEL, GABRIEL, RAPHAEL, ANAEL!
FLUAT UDOR PER SPIRITUM ELOHIM.
MONEAT TERRA PER ADAM IOT-CHAVAH.
FIAT FIRMAMENTUM PER IAHUVEHU-ZEBOATH.
FIAT JUDICUM PER IGNEM IN VIRTUDE MICHAEL. (sim, em latim mesmo)
 

(Tradução: Anjo de olhos mortos, obedece, ou escorre-te com esta água santa.
Touro alado, trabalha ou volta à Terra, se não queres que te aguilhoe com esta espada.
Águia acorrentada, obedece a este signo, ou retira-te diante deste sopro.
Serpente móvel, arrasta-te a meus pés, ou seja atormentada pelo fogo sagrado e evapora-te como os perfumes que queimo nele.
Que a água volte à água. Que o fogo queime. Que o ar circule. Que a terra caia na Terra, pela virtude do Pentagrama, que é a estrela da manhã, e em nome do Tetragrama, que está escrito no centro da cruz luminosa. Amém.)
 
          Espero que tenham gostado! Lembren-se: respeito acima de tudo e bom senso. Não adianta nada fazer estes e mais mil rituais, se você joga lixo na rua, chuta cachorro e quebra árvores saudáveis.
         Tenham cuidado ao manusear objetos inflamáveis. Por mais que se tome cuidado, são perigosos. Uma simlpes chama de vela, se derrubada em lugar indevido, pode causar estragos terriveis.
 
          Abraços e uivos para vocês, camaradas!

Nenhum comentário:

Postar um comentário