segunda-feira, 12 de março de 2012

O ADEUS AO ARTISTA MOEBIUS


por Renato Rodrigues
Sei que esse não é um site de quadrinhos... Nem de séries ou cinema... na verdade não sei do que diabos trata esse site afinal mas, como admiradores dos quadrinhos que somos, não dava pra passar em branco a morte do cartunista francês Jean Giraud, o Moebius, que nos deixou no último sábado.

Além de uma extensa obra nos quadrinhos europeus ilustrando tanto para ficção científica quanto para westerns (e até já tendo feito parceria com Stan Lee numa grafic novel do Surfista Prateado), Moebius colaborou na criação de personagens dos filmes "Alien - O 8º Passageiro", de Ridley Scott; "O Quinto Elemento", de Luc Besson; e "O Segredo do Abismo", de James Cameron, entre outros.



Abaixo a carta de Felini para o mestre do pincel(Postado no Facebook pelo Antero Leivas)

Roma, 23 de junho de 1979

Meu caro Moebius,
Tudo o que você faz me encanta, até mesmo o seu nome me encanta. No meu Casanova, chamei de Moebiu...s o personagem de um velho médico, um homeopata, meio mágico, meio bruxo: foi uma maneira de mostrar minha simpatia, minha gratidão, pois você é formidável e eu não tenho tempo de lhe dizer o quanto e por quê.

Estou rodando na cadência febril de sempre, ou, talvez, desta vez, um pouco mais febrilmente que de costume, pois às vezes tenho a impressão que ainda não comecei este filme, outras vezes me parece já tê-lo acabado há muito tempo: assim, vivo como que suspenso dentro de um de teus universos tortuosos, sem gravidade.

Envio-te esta carta apressada e desordenada, eu lamento, pois a alegria e o entusiasmo que me dão seus desenhos, exigiriam de mim maior precisão, e que eu te dissesse tudo, já e de uma só vez. Deixa-me te dizer, ao menos, que descobrindo o que tu fazes e o que fazem teus companheiros da Metal Hurlant, imediatamente reencontrei este sentimento pungente: face a um encontro maravilhoso que nos é periodicamente prometido, que eu só havia conhecido quando criança, entre dois números de Giornalino della Domenica, que traziam as Aventuras de Happy Hoologan e dos Sobrinhos do Capitão.

Que grande diretor de cinema tu serias! Nunca pensaste nisto?

O que há de mais admirável nos teus desenhos é a luz – sobretudo nos teus desenhos em preto e branco: uma luz fosfórica, oxídrica, luz de lux perpétua, de limbos solares… Fazer um filme de ficção científica, é um dos meus velhos sonhos. Penso nisso desde sempre, pensava nisto bem antes destes filmes estarem na moda. Tu serias, sem dúvida, o colaborador ideal, entretanto não te chamarei jamais, pois tu és completo demais, tua força visionária é terrível demais. Então o que eu iria fazer nessas condições?

Eis porque, caro Moebius, te digo apenas isto: continua a desenhar fabulosamente para a alegria de todos nós.

Buon lavoro e buona fortuna
Federico Fellini

Nenhum comentário:

Postar um comentário