sexta-feira, 10 de outubro de 2014

Por que o mal demora tanto?


por Nanael Soubaim
  Eu tenho o costume de regar um jardim e cuidar dele, na medida de minha disponibilidade. Uma coisa que aprendi foi a ter paciência, porque mesmo quando as coisas estão muito ruins, agir antes da hora pode arruiná-las irremediavelmente.

  Tem aparecido ervas daninhas, capim ordinário e todo tipo de parasita vegetal. Arrancar essas pestinhas é arriscado, elas costumam ter caules muito frágeis e raízes muito fortes, com bulbos consistentes, de onde a erva volta a crescer. E para crescer, expande mais as raízes para retirar mais nutrientes, e a plantinha de que se quer cuidar fica mais prejudicada.

  Claro, uma poda para controlar o crescimento é possível e desejável, mas nunca arrancar antes da hora. Infelizmente os venenos também não são recomendados, porque a erva daninha, sem o compromisso de gerar flores e frutos aproveitáveis, se torna mais resistente do que a sua plantinha. Haveria o risco de se eliminar a plantação e deixar campo livre para o mato.

  Esperando as invasoras crescerem o suficiente, seus caules também ficam consistentes o bastante para a extração, que também não deve ser feita de qualquer maneira. A competitividade desenfreada das ervas daninhas freqüentemente as faz entrelaçar suas raízes com as de outras plantas, não só para roubar nutrientes, mas também para ter mais resistência à tração. Darwin explica. Deve-se cavar com uma ferramenta pontiaguda ou mesmo com um jato d'água, este para que a terra fique encharcada e macia o bastante para não se levar um torrão inteiro com a invasora, o que poderia acabar danificando raízes que queremos preservar.

  Uma vez arrancada, por sua voracidade a erva daninha definha rapidamente, servindo até de adubo para a plantinha. Mas dependendo do estágio e da ápoca do ano, é melhor queimar, se não houver um piso de cimento onde as eventuais sementes da invasora também sequem e morram com ela. Há de se tomar cuidado, pois com os milênios de evolução, as que são mais parecidas com nossas plantas mais estimadas acabaram proliferando e se aprimorando, a ponto de ser fácil confundir um mato mais desenvolvido com a medicinal alfavaca. É preciso ter também um conhecimento básico de causa para o serviço de limpeza.

  Por tudo isso a limpeza também deve ser feita preferencialmente em etapas, para evitar danificar plantinhas desejáveis, que por ventura tenham brotado no meio das invasoras. Seria triste ver até mesmo uma maria-sem-vergonha secando e murchando no meio das bandidinhas.

  Ok, isto é um blog de ciências esotéricas, então não dei essa aula básica de jardinagem só porque fiquei com vontade. Não mesmo. Hoje, no famigerado, mas infelizmente necessário facebook, um amigo se lamentou com os rumos que o mundo tem tomado. em especial a paixão que certos setores ideológicos têm demonstrado por grupos terroristas, que primam pelo amor à crueldade, castigando e eliminando até mesmo crianças de grupos diferentes dentro de sua própria religião. Daí emergem teorias conspiratórias, medo de sociedades secretas, lendas de grupos que manipulam os governos mundiais, et cétera.

  Bem, meus queridos, isso não é novo. Vem acontecendo desde o advento do iluminismo, na verdade com raízes na idade média, quando as máfias modernas tiveram suas sementes malditas germinadas. Acontece que como as ervas daninhas, essas sementes lançaram raízes em volta e entrelaçando com as de pessoas de boa índole. Qualquer um pode ser amigo de um elemento de altíssima periculosidade e não estar ciente disso. De outra forma os serviços secretos já teriam eliminado todos eles com facilidade. Às vezes as teorias conspiratórias têm razão, em parte, líderes realmente são assassinados após reuniões longas e difíceis, de onde saem decisões não menos. Sabe-se lá o que aquele ídolo de milhões aprontou e o quanto sua vida pode ser nociva à humanidade como todo? Só quem já sentiu o peso do poder nos ombros é que pode ou não julgar o líder de uma nação, principalmente se for de uma democracia.

  Eu sei, dá calafrios imaginar que aquele amigo de tantos anos pode ter que morrer, mais ainda desconfiar que ele pode ser responsável por mortes de inocentes e muitas outras mazelas, especialmente porque os governos continuam com a arrogância de acreditar que a população é plenamente incapaz de administrar qualquer coisa que não seja sua vidinha prosaica e previsível. Em parte estão certos e a culpa é nossa, que nos acomodamos facilmente no conforto da ignorância ou, pior, no falso desconforto da intelectualidade retórica.

  Leitoras e leitores, vocês sabem que nenhum deles é uma divindade. Nenhum grupo, nenhuma sociedade secreta, nenhuma máfia é composta de seres onipotentes, oniscientes e onipresentes. Na verdade não existe sociedade secreta nenhuma no universo, mesmo as colônias mais próximas de nosso plano podem ver todas elas, o que fazem e como vão se lascar bonitinho. Eles são humanos, absolutamente todos eles são reles e elimináveis humanos.

  Desde o iluminismo que as altas espheras que realmente governam o mundo começaram com a limpeza. Primeiro preparando o jardim para facilitar extirpar as ervas daninhas, aquelas que realmente não têm proveito nenhum, que nada fazem além de sugar nutrientes e proliferar. As duas grandes guerras foram decisivas para isso, foi quando muita gente grande esperdiçou sua última chance de dar algum fruto, ou pelo menos uma florzinha que fosse. Algumas se tornaram até piores do que seus obsessores. Eu já disse e repito, Satanás foi o primeiro a ser colocado em solitária, depois dele seus dragões, os demônios de verdade, Hitler com sua cambada de vagabundos, entre outros.

  E por quê o mundo não ficou lindo e maravilhoso desde então? Porque a limpeza não terminou. Acontece que ainda tem criaturas extremamente perversas dentro e fora da carne. Primeiro tiraram as ervas mais agressivas e consistentes, que puderam ser eliminadas com um puxão só. Depois as daninhas de alta agressividade, mais numerosas, mas que não se comparam ás primeiras. Os que já foram exilados são de uma maldade que suas cabecinhas são incapazes de conceber. Vocês estão acostumados a sofrer com pimenta do reino, não têm noção do que é mastigar uma Carolina Reaper, tampouco o que é ser picado na boca por uma vespa do mar.  Esse bando de paspalhos que faz satanismo em nome de algum deus que têm a petulância de chamar de Alah, não passa de pimenta do reino mais concentrada, mas ainda assim é só pimenta do reino. Eles, seus apoiadores e os que os apoiam só nos bastidores. Ninguém chega a ser pimenta de bode, os que eram capazes disso já não podem mais reencarnar, e em breve nem estarão mais aqui.

  Todos eles, assim que desencarnarem, serão levados para isolamentos de onde só sairão para sua segunda degredação. Não vão todos para o mesmo planeta, vai cada grupo para um mundo que condiz com o ódio que tem no coração, que decidirá o grau de evolução do planeta em que começará vida nova. Lamento informar que muitos irão para planetas tão primitivos e agressivos, que fazem nosso jurássico parecer um pet shop só com filhotinhos. Algumas criaturas desses mundos são tão violentas, que não podem ver o próprio corpo porque o atacariam até a morte. Sim, é para chocar mesmo, todos conhecerão e terão que fugir de criaturas muito mais violentas do que eles mesmos.

  Eu estou ciente disso, muita gente está ciente disso, mas mesmo assim tem muita gente com conhecimento de espiritualidade se desesperando, gente que deveria ter fé resplandescente e ajudar a acalmar as massas, mas está disseminando o desespero e piorando uma transição que já não é tranqüila. Para quem está nesse trabalho é fácil dar cabo desses trevosos, não precisamos ter pena deles, o que atrapalha é o desespero das pessoas boas, isso facilita muito a persistência dos inimigos, tornando tudo mais doloroso do que deveria ser.

  Mais do que um simples alimentador de sofrimento, o desespero disseminado pelo mundo acaba se tornando uma vingança dos que sabem que serão degredados de novo. Eles sabem que têm chance zero. Ainda que todos eles juntos atacassem ao mesmo tempo um só membro da fraternidade branca, a chance de caírem antes de tocá-lo seria de cem por cento. Eles sabem disso e se vingam e nós, e nós damos todo o combustível de que eles necessitam para fazer suas últimas maldades neste planeta. e antes que perguntem, sim, o Papa Francisco é um dos agentes de limpeza, o que ele está fazendo não tem volta e por isso está ameaçado de morte por muitos grupos, que também vão praticamente inteiros para mundos muito piores do que este, enquanto o Papa vai levado pelo próprio Cristo para seu lugar merecido.

  O que lhes peço então? Peço serenidade, tão somente serenidade. Não se deixem fisgar pela tentação de apontar inimigos, seu único inimigo de verdade é você mesmo. Não caia na besteira de comprar brigas de grupos ou partidos políticos, o seu grupo é toda a humanidade que ficar na Terra. Não caia no erro de abraçar ideologias com fervor, elas nada mais são do que dogmas com aparência de intelectualidade, sua única ideologia é e deve sempre ser o amor ao próximo, seja qual for esse próximo, mesmo que às vezes tenha a vontade de torcer-lhe o pescoço... Faz parte.

  Nenhum iniciado tem o direito de cair nessas armadilhas, não temos mais o grau de ignorância necessário a essa permissão. Toquem suas vidas, mantenham seus planos em mente, cientes dos desastres que acontecem e estão por acontecer, mas não deixem o medo turvar suas vistas. O que tiver que acontecer, acontecerá não importa o que façamos ou deixemos de fazer. Desse comportamento equilibrado e natural, depende a calma e um menor sofrimento de toda a população mundial. Já somos numerosos o suficiente para conseguir isso, não temos mais desculpas. Então, queridos, tomem um banho de ervas, um de rosas brancas e vão enfrentar o destino, foi para isso que nos jogaram cá para baixo.

  Nos próximos dois ou três séculos, todas as ervas inúteis serão arrancadas com todo o cuidado, para não prejudicar as plantas produtivas, as flores e as ervas medicinais. É um processo que demanda muito cuidado e experiência, mas acreditem, o jardim ficará se uma praga sequer, mesmo os insetos que ficarem são os úteis às plantas, nenhum deles vai botar ovos nas frutas. Com o tempo, talvez ainda com a maioria de nós neste ciclo, as coisas começarão a ficar mais fáceis, então as dores musculares pelo estresse da batalha começarão a aparecer, mas isso é outra história.

  O que está fazendo aqui ainda? Vai viver, caramba!

Nenhum comentário:

Postar um comentário