quarta-feira, 25 de março de 2015

PERDOAR NÃO É FÁCIL

Perdoar não é fácil. Algumas pessoas fazem parecer que é, que perdoam tudo automaticamente, mas geralmente estão mentindo para si mesmas. Uma coisa é certa: perdoar da boca pra fora é inútil e totalmente inócuo.

Perdoar é difícil e é um exercício constante! Também não deve ser confundido com pasmaceira. Quanto mais eu gosto da pessoa, mais tempo levo para perdoar, mas acabo perdoando. Isso não quer dizer que aceito a pessoa na minha convivência de novo, dependendo da falha cometida. Em casos sérios, nunca mais a quero perto de mim. Algumas pessoas dizem que isso não é perdoar, mas estão equivocadas. Perdoar é pensar na pessoa sem sentir um rasgo no coração ou um sapo na garganta. É pensar nela com carinho. É desejar o melhor para ela. Não querê-la mais por perto é uma mera atitude de auto preservação consciente. Como diz o ditado, se me enganas uma vez, a culpa é tua. Se me enganas duas, a culpa é minha.

Mas você não deve fingir que perdoou se não é o que sente. Fale sobre como se sente. Diga que um dia perdoará, que está trabalhando nisso, mas algumas coisas levam tempo. Não acredito nessas pessoas que dizem que perdoam e logo depois derramam uma jarra de lamentações vitimistas sobre o caso. Essas não perdoaram nada! E sentimentos mal resolvidos geral doenças graves tanto no corpo, como na alma! Recorra à Mestra Kuan Yin e pela que ajude você a perdoar. Ela é ótima nisso!


Um comentário: